Melgaço – Os méritos de uma política cultural

Foi ontem, no Auditório 2 do CPI em Gualtar, que tivemos oportunidade de conhecer mais profundamente o que tem vindo a ser feito em termos culturais no concelho de Melgaço. A sessão de trabalho começou com o visionamento do documentário Memória(s) de Fronteira, produzido por Nuno Soares, do projecto audiovisual SmartBox,  e que aborda, na primeira pessoa, a emigração e o contrabando no concelho de Melgaço. Estas eram práticas habituais em meados do século XX, altura em que dos dois lados da fronteira se vivia em regime ditatorial e onde as condições económicas não eram suficientes para sustentar famílias numerosas.

A produção audiovisual é um dos conteúdos que pode ser encontrado no Espaço Memória e Fronteira, um projecto museológico que, como nos contou Angelina Esteves, chefe da divisão de Comunicação e Cultura da Câmara de Melgaço, reveste-se de enorme importância para a memória futura de uma população marcada pelo sentimento de (não)pertença.

Há um passado que se perde no tempo e no espaço, um percurso que abre um vácuo identitário numa das regiões mais setentrionais de Portugal, agora cristalizado num acervo construído de espólio oferecido gentilmente pela população. Anamnese e esquecimento tocam-se, ainda que assimptoticamente, relembrando que o conteúdo da memória é inseparável dos seus campos de objectivação.

Mas, a política cultural do concelho, que vem sendo trabalhada continuadamente por Angelina Esteves há cerca de 14 anos, materializa-se em muito mais, com destaque para:

Biblioteca Municipal
Casa da Cultura
– Espaço interpretativo da Torre do Castelo
Núcleo Museológico de Castro Laboreiro
Museu do Cinema
Arquivo Municipal
– Festa da Cultura
Companhia profissional de teatro “Comédias do Minho”

Saliente-se a aposta feita numa política cultural de proximidade que confere ao melgacense um papel preponderante no sucesso das iniciativas.

Por tudo isto, valerá a pena visitar Melgaço com muita atenção.

Tags: , ,

One response to “Melgaço – Os méritos de uma política cultural”

  1. Heidi says :

    Fica muita vontade de visitar Melgaço!
    Heidi

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: