A plasticidade do Barroco e a ambiguidade da Bohemian Rhapsody

 

Bohemian Rhapsody

Is this the real life?
Is this just fantasy?
Caught in a landslide
No escape from reality
Open your eyes
Look up to the skies and see
I’m just a poor boy
I need no sympathy
Because I’m easy come, easy go
A little high, little low
Anyway the wind blows
Doesn’t really matter to me, to me
Mama, just killed a man
Put a gun against his head
Pulled my trigger, now he’s dead
Mama, life had just begun
But now I’ve gone and thrown it all away
Mama, oh
Didn’t mean to make you cry
If I’m not back again this time tomorrow
Carry on, carry on
As if nothing really matters
Too late, my time has come
Sends shivers down my spine
Body’s aching all the time
Goodbye everybody, I’ve got to go
Gotta leave you all behind
And face the truth
Mama, oh, I don’t want to die
I sometimes wish I’d never been born at all
I see a little silhouette of a man
Scaramouch, Scaramouch will you do the fandango
Thunderbolt and lightning, very, very frightening me
Galileo, Galileo
Galileo, Galileo
Galileo, Figaro, magnifico
But I’m just a poor boy and nobody loves me
He’s just a poor boy from a poor family
Spare him his life from this monstrosity
Easy come, easy go, will you let me go
Bismillah! No, we will not let you go
Let him go
Bismillah! We will not let you go, let him go
Bismillah! We will not let you go, let me go
Will not let you go, let me go, never
Never let you go, let me go
Never let me go, oh
No, no, no, no, no, no, no
Oh mama mia, mama mia, mama mia let me go
Beelzebub has a devil put aside for me
For me (2x)
So you think
You can stone me and spit in my eye
So you think you can love me
And leave me to die
Oh baby, can’t do this to me baby
Just gotta get out
Just gotta get right outta here
Oh, oh yeah, oh yeah
Nothing really matters
Anyone can see
Nothing really matters
Nothing really matters to me
Anyway the wind blows

http://www.youtube.com/watch?v=fJ9rUzIMcZQ&ob=av2e

Esta letra é o ponto de partida do meu trabalho, sim, a letra da música Bohemian Rhapsody do grupo de rock The Queen. Esta música (subentende-se letra e música) ganhou o prémio em 1990 pela Brit Awards como a música do século. Na boa verdade gosto, acho-a magnífica.
Mas porque que os Queen, ou a música  Bohemian Rhapsody para o trabalho?
Sempre achei que esta musica tinha mais do que rock ou ópera rock ou outro, tinha qualquer coisa de diferente, é calma mas agitadada ao mesmo tempo melancólica e alegre é única mas ao mesmo tempo vulgar, esse conflito existente leva-nos a um turbilhão de sentimentos.
Mais ainda, acho esta música barroca, sim barroca, é esse o tema do meu trabalho, a musica Bohemian Rhapsody é barroca ou antes tem muito de barroco, não é rock é muito mais do que isso, ela é diferente de todas as outras músicas, tem muito de irracional de loucura de fantasia.
Começando pelo barroco…
O barroco foi um movimento cultural que teve o seu início no final do séc. XVI até meados do séc. XVIII e se expandiu primeiro em Itália depois a toda a Europa só mais tarde é que se espalhou pelo mundo e nas mais diversas áreas como a pintura, escultura, arquitetura, música, etc.
Uma das causas para o surgimento do barroco foi encetado pela igreja católica com a contra – reforma, vista como confrontação com a reforma protestante que pôs fim ao domínio da religião católica na europa, mas outro fator em que o barroco está associado é indubitavelmente com as monarquias absolutas, esta forma de arte serviu como entretimento e fantasia para o povo substituindo a fome existente naquela altura, mas a arte barroca é muito mais que isso, suas características são envolvimento emocional das pessoas com a obra, o contraste existente, a sua religiosidade, a sua irracionalidade, o seu antagonismo, as suas formas curvas e todo o seu trabalho esplendoroso que surgiram nessa altura, sem esquecer as contradições que são características da arte barroca.
No entanto, apesar de este movimento cultural ser do séc. XVI e XVIII tem uma intervenção na sociedade pós-moderna muito grande e em todos os seus campos. Como afirma Sérgio Rouanet “o barroco foi antes de mais uma cultura da propaganda.” (Rouanet,2008:3) particularidade das sociedades pós-modernas isto são sinais que a arte barroca ou neo-barroco não se perdeu e nem parou no tempo, pelo contrário ela alastrou-se a todos os sectores da sociedade, a representação, apresentação, imagem, emoção são particularidades das sociedades pós-modernas e do barroco.
Mas como o tema é a música e a arte, a música barroca assenta em sonatas, cantatas, tocatas, e o órgão começa a ter uma grande importância, surgem então grandes compositores tais como Vivaldi, Bach, Händel entre outros, no entanto fazendo uma comparação da Bohemian Rhapsody com a música barroca podemos reunir algumas particularidades existentes. Na música de Georg Händel com o tema Hallelujah destaca-se em toda a sua música o coro característica da Bohemian Rhapsody mas não é só o coro que faz com que esta música seja barroca, há muitas mais semelhanças, a sua aproximação é mais em toda a sua dimensão artística.
Como anteriormente descrevi a musica Bohemian Rhapsody ela é calma e agitada sendo uma das característica da arte barroca o antagonismo é próprio desta arte, temos como exemplo Caravaggio in A vocação de S. mateus existindo na obra um oposição entre o terrestre e o divino, o contraste está sempre presente. A emotividade é preponderante na musica Bohemian Rhapsody sendo uma das características e particularidades da arte barroca, o envolvimento emocional da peça de arte com a pessoa, a racionalidade dá lugar á emotividade, outra afinidade está na letra da música, ela é enigmática, pode ser um sonho ou um pesadelo a morte ou ressureição, tem um toque de irracionalidade, sendo que se pode fazer inumeras leituras, outro factor é a invocação do nome que está ligados á época barroca como Galileo, não é que se refira a Galileu Galilei mas só a sua evocação apela a um sentimento daquela época.
Como podemos ver a arte barroca que teve o seu fim á cerca de 300 anos tem tido uma influência enorme nas sociedades contemporâneas, ela disfarçou-se, mascarou-se e conseguiu sobreviver para lá destes 300 anos, nesta comparação entre o barroco e a música Bohemian Rhapsody ela tem mais de idêntico do que oposto, a arte tem destas coisas.

Pedro Abreu 19052

Bibliografia

http://www.docstoc.com/docs/110226548/O-BARROCO-ONTEM-E-HOJE

http://www.youtube.com/watch?v=fJ9rUzIMcZQ&ob=av2e

http://www.youtube.com/watch?v=vI6dvv65CP0

http://www.youtube.com/watch?v=K_pbyYCC4Hg&feature=related

http://www.youtube.com/watch?v=yQPs83EDCiE

http://www.youtube.com/watch?v=HQgp5_6yEZ4

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: